quarta-feira, 4 de julho de 2007

[Genética] Gen-Pets, animais feitos em laboratório

Ainda se recordam dos emplastros dos Tamagotchi? Esta é a evolução. Chegou um novo animal e estimação, criado geneticamente. São os Genpets, um novo produto da Bio-Genica, Genetic Engineering and Manufacturing. O bicho mais parece um frango de hipermercado, mas com cabeça que parece uma mistura de vários animais. Não são brinquedos, nem robôs. São frutos da tecnologia de hibridismo, a mesma que possibilita combinar DNA de diferentes animais e a clonagem. Eles são seres vivos, respiram, têm sentimentos e sentem dor. Só não têm muita mobilidade, e as cordas vocais são limitadas. Torturas não incomodarão seus vizinhos. Está "disponível em 7 tipos diferentes de personalidade. Cada tipo de personalidade dos Genpets é ligado à sua respectiva cor, e essa cor é usada como base para cada pacote" ...ah sim! Igual no Nazismo, nos campos de concentração, em que separavam cada "raça" por uma cor diferente:
Genpet Red™ - atlético e energético Genpet Orange™ - aventuroso, confiável e curioso Genpet Yellow™ - brincalhão e divertido Genpet Green™ - amigo, harmonioso e calmo Genpet Blue™ - comunicativo e sereno Genpet Violet™ - imaginativo e espiritual
A empresa disponibiliza várias opções, dependendo do perfil do consumidor. Você pode escolher até se quer um Genpet com configuração básica para um, ou três anos. Mas não se preocupe, enquanto ele está dentro do pacote, está hibernado, com temperatura adequada e tem um monitor cardíaco e um sistema de medição da validade do produto, ou seja, há quanto tempo está em hibernação. E se você sair de férias, pode deixá-lo dentro da caixa, hibernando. Ainda está em fase de experimentação, e não tem data prevista para lançamento do produto. Muitas pessoas têm se mostrado interessadas, aguardando pela novidade. Inclusive, se você não ficar satisfeito com o produto ele pode ser comido, e dizem frito com dendê em forma de moqueca fica uma delícia. Isto fica feliz em ser útil...

6 comentários:

Roberta disse...

Ai meu deus! como a raça humana pode ser tão cruel... como se já não bastasse "inventar" um ser vivo, ainda vendem como se fosse um "brinquedo" em embalagem plástica. Se crianças já torturam seus bichinhos de estimação que emitem sons, e se até adultos já os submetem a maus tratos e negligenciam suas necessidades básicas, o farão então com estas pobres criaturas que nem som emitem, apesar de sentirem toda a dor e o sofrimento que a raça humana pode proporcionar?.... Crueldade! tsk...

Anônimo disse...

Eu não acredito que estão fazendo issooooo! Criar um bichinho e fazer o que bem entender edele sendo que ele sente dor como outros animais, e ainda por cima, comê-lo se não gostar dele???????????
Não gostei mesmo!!!

Anônimo disse...

Boas...
Eu gostei da ideio sendo ela muito Complicada ou seja tem aspetos negativos i positivos.
Uma pessoa tem que ser muito responsavel para cuidar de um tal bixo....
É certo que havera uma grande polemica a volta disso...
Infelismente os prejudicados seram eles..
Tenho medo do que possam inventar a seguir... :(
xin

Pedro disse...

é uma ideia diferente como animal de estimação.
temos que ter um cuidado especial
devido ao animal ser feito através da genetica com mistura de alguns animais, gostava de saber quando seriam lançados e como trabalham fora da sua caixa de hibernação, gostava tambem de saber as suas vunerabilidades ao ambiente humano ?

Davi disse...

Meu deus, ate q ponto nos chegamos, onde isso vai dar.
Nao pode ser eticamente correto vender esses seres vivos com validade. Muito revoltante.

Anônimo disse...

DEUS me livre, o povo tá sem docernimento nenhum quanto absurdo e ainda caro .
SEI não mas isso deve ter dois aspecto,
ou testar a crueldade do homen até ônde vai ,ou tá criando um demonio matrializado nisso,vaaaapu to fora.

Obrigado pela visita!

 
eXTReMe Tracker